Mortes Causadas por Policiais: 90% dos Processos são arquivados

As mortes causadas por policiais em São Paulo e no Rio de Janeiro, aumentaram no Brasil em 2020, mesmo durante o cenário de pandemia.

Uma matéria veiculada no portal da Folha de São Paulo, revelou que nos últimos 7 anos esse número vem crescendo sistematicamente.

As mortes por intervenções policiais chegaram a 6.416 em 2020, os dados são do anuário do Fórum Nacional de Segurança Pública, que atribuiu o aumento à falta de políticas de controle sobre a letalidade policial no Brasil.

O Estado que mais concentra mortes é o Rio de Janeiro, e os pesquisadores acreditam que para reverter esse quadro, seria preciso a implementação de medidas estruturais, envolvendo treinamento para enfrentar situações de risco

Mais recentemente, foi constatado que cerca de 90% das mortes provocadas por policiais são arquivadas a pedido do Ministério Público das duas capitais, por falta de provas.

A constatação foi objeto de um estudo pioneiro do Fórum Nacional de Segurança Pública, cujo resultado foi divulgado no portal UOL.

Embora baseados em números de 2016, os dados do estudo são alarmantes pois mostram que de 316 casos de mortes por policiais, sendo 139 em São Paulo e 177 no Rio de Janeiro, apenas 7,2% dos casos no Rio e 11,3% em São Paulo, foram objeto de denúncia pelo Ministério Público, demais casos foram arquivados.

Outro ponto importante detectado pelo estudo, foi a demora por parte do Ministério Público a se manifestar nos casos que em sua grande maioria ocorreram nos anos anteriores, dificultando que esse tipo de morte seja apreciado pela justiça.

Alguns especialistas em segurança, analisam a situação como facilitadora da impunidade, decorrente da omissão do Ministério Público e também da investigação policial.

A matéria veiculada no portal UOL, ressaltou ainda um dado importante, qual seja: diversas pesquisas realizadas anteriormente sobre a mesma temática, demonstram que os índices de arquivamento de homicídios cometidos por policiais está sempre acima dos 90%.

Demora no andamento dos processos dá margem a impunidade dos agentes policiais

A demora no oferecimento da denúncia e no andamento dos processos favorece a impunidade, os dados do estudo revelam um tempo excessivo de quase nove anos para o arquivamento no Rio de Janeiro, e dois anos em São Paulo.

Vale destacar que embora não haja prazo previsto em lei para que ocorra o arquivamento, a demora excessiva prejudica a investigação e a punição dos policiais que cometem homicídios no exercício da atividade policial.

Conclusão

Alguns especialistas em segurança pública apontam a falta de integração entre as polícias e o Ministério Público, a precariedade das condições de trabalho e o pouco investimento em capacitação dos agentes policiais são algumas das causas da demora dos processos.

Este cenário é bastante complexo e a sua evolução depende de investimento em políticas públicas atuantes em diversas frentes que vão desde a modernização da estrutura pública de segurança, passando pela capacitação e acompanhamento psicológico dos agentes policiais e melhoria dos processos de investigação.

Continue acompanhando nossos artigos e fique por dentro do que acontece de mais importante no mundo jurídico no Brasil.

O que você achou desse artigo? Acesse o nosso blog! Comente!

D. Ribeiro é Advogado Criminal na Capital – SP – Brasil, e possui um canal no you tube  também chamado Notícias do Ribeiro, para falar direto comigo basta clicar aqui 👉 https://wa.me/5511954771873

Categorias: Tags: ,

15 Comments

  1. É simples, desarmem os bandidos, desarmem os traficantes ou então criem treinamento a todos os meliantes, ensinem aos vagabundos que enfrentar a polícia não é uma boa ideia! Quem não quer morrer em troca de tiros deve buscar o caminho do trabalho e respeito ao próximo, caso contrário…. aço…

    Curtir

  2. Olha!!!! Eu não sabia que o percentual era tão grande. Agora dizer que a demora dos processos, causam impunidade? Isso é mito, pois os policiais trabalham cautelosos, mesmo porque os celulares estão nas espreitas. Mas posso dizer uma coisa, o que precisa fazer é:
    Os comandantes dos Batalhões, fazer preleção todos os dias antes dos policiais saïrem a campo, pois muitas fatalidades futeis, acontecem pois os policiais caem no esquecimento dos fatos anteriores.

    Curtir

  3. Olha!!!! Eu não sabia que o percentual era tão grande. Agora dizer que a demora dos processos, causam impunidade? Isso é mito, pois os policiais trabalham cautelosos, mesmo porque os celulares estão nas espreitas. Mas posso dizer uma coisa, o que precisa fazer é:
    Os comandantes dos Batalhões, fazerem preleções todos os dias antes dos policiais saïrem a campo, muitas fatalidades futeis acontecem, pois os policiais caem no esquecimento dos fatos anteriores.

    Curtir

  4. É infelizmente no Brasil a demora nos processos tanto a favor como contra É bem difícil e tbm demorado por autoridades judiciais por isto os advogados São importantes PR estes processos e tbm pr cotucar o sistema que por sua vez se torna falio.abração Dr Ribeiro do Cardoso.

    Curtir

  5. Artigo bastante polêmico, mas se faz necessário pois precisa ser analisado os dois lados. Parabéns pelos artigos em 2021 e que venham mais em 2022. Boas festas.

    Curtir

  6. Tais crimes geram, entre outras coisas, um temor imenso na população que segue desconfiando da atuação idônea da polícia. Além da impunidade, fomenta tb a organização de grupos policiais de execução, justiceiros ou até assassinos de aluguel. Acerta Dr. Ribeiro quando elenca uma série de medidas que deveriam ser tomadas, como o investimento na formação humanizada de policiais.

    Curtir

Deixe uma resposta para DivulgaNews Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s