DENÚNCIA DA COMUNIDADE

Era 30 de Junho de 2007, quando fiz a primeira postagem em nosso BLOG http://www.noticiasdoribeiro.blogspot.com com o seguinte título ou manchete: DENÚNCIA DA COMUNIDADE.

Tendo em vista nossa dificuldade de conseguir uma reunião com a subprefeitura, e respostas para os problemas de nossa comunidade, tivemos que apelar para os vereadores da Câmara Municipal, (Órgão que acreditamos que AINDA fiscaliza o executivo), para no mínimo conseguirmos atenção do poder público. Reiteramos que quando não todo dia, toda semana pedimos reunião com o subprefeito, (minúsculo proposital) mas sua assessoria, informa que ele está sempre com a agenda lotada. – Nossa indignação é porque dentre suas andanças no Parque Guarani, Vila do bairro de Itaquera, zona leste de SP, do qual eu me tornei líder comunitário, ele Subprefeito, nossa vila nunca entra no roteiro e em suas audiências nunca nos cabe, digo nossa AVDR, Associação Voluntária Douglas Ribeiro.

NÃO QUEREMOS MAIS FICAR NA CONDIÇÃO DE MENDIGOS, IMPLORANDO POR ATENDIMENTO, MUITOS MENOS COMO BANDIDOS, CERCANDO O SUBPREFEITO PARA FALAR-LHE OU OBTER SUA ATENÇÃO.

Nossos principais problemas tem sido 3

1-) o córrego que fica na rua do sabugueiro e que toda chuva ele alaga.

Em dias normais está sempre com mal cheiro, além de casas que estão caindo dentro do córrego. Há 9 anos que estamos cobrando e até agora nada foi feito pela prefeitura, para mudar este quadro caótico.

2-) Uma passarela para pedestre, na rua Rainha da Noite, no Pq. Guarani – Itaquera, no qual conseguimos 2.700 assinaturas em forma de abaixo assinado, juntamos com ofício e protocolamos na EMURB, e até o momento, nem se quer um estudo foi feito para viabilizar este projeto.

3-) No baixo do viaduto Antônio Larragoitti Sanches Jr., (conhecida Av. Jacu – Pêssego-Itaquera.) tornou se um verdadeiro depósito de lixo, local onde prolifera doenças, moradias de mendigos, ponto de tráfico, desova de carros roubados, queimadas diárias, ficando insuportável o cheiro e a fumaça, é tanto lixo que não se pode andar mais pela calçada, tornando um risco de morte para os transeuntes.

Temos projeto para tornar o local em um centro recreativo, sede de nossa ONG, desenvolver projetos em diversas áreas de nosso cotidiano, tudo em prol da comunidade. A prefeitura diz que o espaço é nosso, mas em contrapartida não assina conosco o termo de concessão, mesmo nós tendo levado toda documentação.

Aproveitei para pedir donativos e convidar para nossa festa.

A 4ª festa das crianças que será em 12 de outubro.

Precisamos de muitos donativos como: bebidas, doces, salgados, brinquedos, materiais escolares, roupas e calçados novos, bexigas, tinta para maquiagem e ingredientes para confeccionar o bolo.

Pessoas com talentos: musicais, esportivo, artesanal, profissional liberal e outros, são muito bem-vindos.

D. Ribeiro, Advogado, Pós-graduado em Dir. Adm e Constitucional e Pós-graduando em Dir. Penal e Processo Penal, Palestrante e Articulista.

Categorias:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s